Sete lugares imperdíveis para conhecer em Hiroshima

Sete lugares imperdíveis para conhecer em Hiroshima

Hiroshima é uma cidade grande, uma capital industrial do Japão. Sede da gigante de automóveis Mazda, entre muitas outras empresas japonesas. Apesar dessa conotação industrial, as ruas de Hiroshima são calmas, o ritmo da cidade se assemelha muito mais a de uma cidade do interior.

Centro de Hiroshima

Ruas no centro de Hiroshima

Veja abaixo sete lugares obrigatórios de se conhecer ao visitar Hiroshima:

1 – Hiroshima Castle (Hiroshima-jō)
Construído em 1958, o castelo de Hiroshima é apenas uma réplica da construção erguida em 1590 e destruída durante a explosão da bomba atômica no final da segunda guerra mundial.

Chegar no final da tarde no castelo é a oportunidade de ouvir as cigarras cantarem, de ver o sol se pôr nas águas do rio Ōta. Dentro do castelo, foi construído um museu sobre a história de Hiroshima antes da segunda guerra mundial.

Logo na entrada do castelo, carpas que nadam em um grande lago lhe receberão, a paz e o silêncio predominam no local.

Hiroshima Castle (Hiroshima-jō)

Hiroshima Castle (Hiroshima-jō)

O memorial da Paz em Hiroshima

O memorial da Paz em Hiroshima

2 – Parque do Memorial da Paz
Nas margens do rio Ōta, o Memorial da Paz é um convite para mergulhar em um momento trágico da história do Mundo.

O memorial, é na verdade, muitos memoriais. Cada monumento relembra a um episódio relacionado a explosão da bomba, desde as crianças, até os imigrantes que morreram no local.

Apesar de pequeno, passear pelo memorial é um programa para um dia inteiro. Aproveite para ler sobre a história da segunda guerra mundial e mergulhe fundo em tudo que o lugar representa.

O memorial da Paz em Hiroshima

O memorial da Paz em Hiroshima

3 – Museu do Memorial da Paz
Localizado no final do Memorial da Paz, o museu de Hiroshima é uma oportunidade de entender um pouco mais o que aconteceu na cidade em agosto de 1945.

Dentro do museu são expostos artigos que tiveram contato direto com a explosão da bomba, além de relógios, brinquedos, documentos e outros artigos relacionados ao tema.
O passeio no Museu demora apenas algumas horas e pode ser um programa para um final de tarde. De dentro do Museu se tem uma vista privilegiada de todo o memorial.

Hiroshima Hon Dori Shotengai

Hiroshima Hon Dori Shotengai

4 – Hiroshima Hon Dori Shotengai
Localizado na Hondori, uma das principais avenidas da cidade, o Hiroshima Hon Dori Shotengai e a quase uma dezena de lojas de departamentos que existem nessa região, são um ótimo programa para ver como os japoneses vivem e o que eles compram.
No local é possível ver as tradicionais lojas de videogame da Taito, além de restaurantes e lojas de roupas, eletrônicos, etc..

5 – MAZDA Zoom-Zoom Stadium Hiroshima
O estádio dos Carps, popular time de baseball da cidade, é uma opção divertida, mesmo para quem não faz a mínima ideia o que é o esporte.

Assistir a um jogo pode ser uma oportunidade de entrar em contato com a cultura japonesa, de ver eles torcendo para o seu time favorito. Além de uma diversão 100% japonesa.

O estádio dos Carps, popular time de baseball da cidade, é uma opção divertida, mesmo para quem não faz a mínima ideia o que é o esporte.

O estádio dos Carps, popular time de baseball da cidade, é uma opção divertida, mesmo para quem não faz a mínima ideia o que é o esporte.

O centro de Hiroshima

O centro de Hiroshima

6 – Porto de Hiroshima
Pegue uma bike e saia pedalando pela cidade. Hiroshima é uma cidade totalmente amigável para as bicicletas. Pedalar até o porto de Hiroshima será uma oportunidade de conhecer a vida na cidade além dos pontos turísticos, de conhecer como as pessoas vivem por lá.

7- Itsukushima ou Miyajima
Esta ilha sagrada, localizada a 50 minutos do centro de Hiroshima, é um templo ao céu aberto, rodeado de muito templos.

Reserva natural, Miyajima preserva a natureza e o passado com carinho. O passeio começa a bordo de uma balsa e continua dentro da ilha onde cervos tentam roubar sua comida.
Em Miyajima tudo parece perfeito para fotografar. Deste o gigante Tori fincado no mar, na entrada da ilha, até os tempos xintoístas e os pequenos restaurantes espalhados entre as poucas casas construídas na ilha.

O templo em Miyajima

O templo em Miyajima

Além de todos estes programas, um teleférico pode te levar até o ponto mais alto do local. Lá é possível avistar Hiroshima e toda a costa da região.



Comments

comments